Inicialmente cabe uma breve explicação sobre como funciona essa famosa massagem, que por sinal é a queridinha de todas as mulheres.

A drenagem linfática é uma técnica de massagem coadjuvante em quase todos os processos de redução de medidas, apesar de ser uma massagem com processos relativamente diferentes da massagem clássica, pois sua pressão é consideravelmente mais leve e seu foco destina-se nos vasos linfáticos e não na musculatura — é realizada com movimentos lentos e intermitentes respeitando sempre o fluxo natural da linfa, sua principal função é eliminar o excesso de água no organismo.

Por estimular o sistema linfático essa técnica mobiliza a linfa até os gânglios linfáticos em um ritmo mais acelerado. Nesse processo, como um bônus, elimina-se, também, o excesso de toxinas. Frequentemente percebe-se um efeito imediato, pois ao mobilizar a linfa, essa técnica elimina o excesso de retenção de líquido nos tecidos.

A literatura especializada traz vários tipos de técnicas, sendo elas: Método de Vodder, Leduc, Godoy, Alain Ganância, Foldi entre outras. Aqui na Goodbe usamos a técnica de Vodder e Leduc. Existem diversos autores com as mais diversas metodologias para a drenagem. Qualquer método pode ser aplicado, com bons resultados, desde que se obedeça ao fluxo linfático e que se obedeça a pressão recomendada para aplicação — Importante lembrarmos, também, que quanto mais edemas estiverem presentes no organismo mais lenta e menor a pressão deverá ser aplicada no tecido.

A celulite é o aumento do tecido gorduroso localizado na hipoderme, provocando a multiplicação desordenada de fibras que se enrijecem. Já o líquido intersticial preso entre as células piora a situação aumentando o aspecto de casca de laranja na pele.

No caso empírico, caso você comece a ter um significativo ganho de peso ocasionado por uma alimentação desbalanceada, com grande ingestão de açúcar, ou, elevados índices de sódio, inflamando seu organismo e assim aumentando a água no interstício. Porque é isso que o açúcar e o sal fazem, ocorre o efeito citado no parágrafo acima.

Deste modo, a drenagem linfática deve atuar de forma coadjuvante a um conjunto de adaptações de hábitos de vida, para que se obtenha um resultado satisfatório, auxiliando na redução das celulites e redução de medidas.

Então sim, a drenagem linfática realmente ajuda no aspecto casca de laranja causado na pele pelo Fibro Edema Gelóide (FEG), conhecida como celulite.

Bônus: A drenagem também ajuda a melhorar os sintomas da TPM, como ela atua na liberação de líquidos, combate o inchaço que é um dos sintomas da TPM, ajudando a controlar a ansiedade e, de quebra, ainda tem um efeito super relaxante.

Maravilhoso né?

Até breve!

Quésia Gomes