Esta é uma dúvida frequente na cabeça dos clientes, Treino Funcional Para Iniciantes, “posso fazer”? Surgem outras do tipo: “Isso aí não é para mim não” / “será que eu consigo”?
Adianto que o Treino Funcional é sim para todos e para qualquer nível de condição física, ora, é necessário iniciar, não é mesmo? Me diga quem domina qualquer que seja a atividade sem nunca ter feito?

O Treino Funcional, como já comentado em textos passados, reúne diversas possibilidades de treino, resultado, performance e o principal, respeito as individualidades (o mais importante na minha opinião). Existem, no entanto, essa constante preocupação acerca de ser ou não o treino ideal… ser ou não capaz de realizar… é importante que se diga o quão benéfico é para a saúde das pessoas a prática regular deste treino (2x por semana, por exemplo), o quanto propiciará de prazer, satisfação e sensação de bem-estar e qualidade de vida. Sem contar os ganhos na qualidade do sono, melhor desempenho no trabalho, melhora da libido, facilidades no processo digestivo e é claro, emagrecimento, fortalecimento e definição muscular (estes três últimos citados talvez sejam os mais aclamados).

Todo indivíduo tem o seu nível de treino, seja ele iniciante, intermediário ou avançado e isso é a consequência, não pode de maneira alguma, servir como barreira frente a quem deseja iniciar ou que iniciou, mas vem enfrentando resistências ou dificuldades, isso é absolutamente normal e justamente por este motivo que se torna tão fundamental a regularidade (2x por semana pelo menos). É na fase inicial que o organismo, musculaturas e tecidos, posso citar também a questão mental, passam por um processo adaptativo e necessitam de tempo para responder e passar a entregar uma performance diferente, melhor e mais segura. Nessa fase que muitos acabam desistindo, por não entender que este processo faz parte e é necessário acontecer e que vai durar no máximo apenas no primeiro mês (vamos considerar a frequência de 2x por semana regulares).

É claro que outros aspectos, alimentares, rotinas diárias e  qualidade do sono, podem  influenciar podendo alterar para mais ou menos esta marca do primeiro mês, porém em linhas gerais o primeiro mês já entrega bastante!Portanto é de suma importância respeitar os limites e não “forçar a barra” logo de cara, NÃO definitivamente. Vá com calma, busque esta adaptação com paciência e segurança, não olhe para o colega ao lado se isso for influenciar negativamente, o foco não pode ser o outro, lembre-se sempre disso.

Permita-se vivenciar esta prática da melhor maneira possível e aos poucos vai perceber o quanto será especial e o  seu dia a dia será outro e terá um novo valor. Quando olhar para trás e ver como está hoje, será incrível a positiva e prazerosa sensação. Se possível, faça junto com um ou dois amigos, vai tornar ainda mais divertido.

Grande abraço e bons treinos!